Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Notícias > Estudantes de Oxford apresentam soluções inovadoras à Prefeitura
Início do conteúdo da página

Estudantes de Oxford apresentam soluções inovadoras à Prefeitura

  • Publicado: Quarta, 08 de Setembro de 2021, 14h39
  • Acessos: 93
imagem sem descrição.

Londrina é a primeira cidade do Brasil a concretizar parceria com a Universidade de Oxford; londrinense Pedro Arcain Riccetto, que leciona na Universidade de Oxford e intermediou a iniciativa, recebeu o título de 1º Embaixador de Londrina

 

Na manhã desta sexta-feira (3), foi realizada a cerimônia de conclusão do Programa Summer Fellowship, que permitiu que dois estudantes de mestrado em Políticas Públicas da People in Government Lab da Blavatnik School of Government, da Universidade de Oxford, na Inglaterra, fizessem imersão na Prefeitura de Londrina. A solenidade aconteceu no gabinete do prefeito Marcelo Belinati, contando com a presença de diversas autoridades, e foi realizada por meio de videoconferência com os estudantes.

 

03 09 Estudantes Oxford apresentam resultados a Londrina Emerson Dias NCom 10 1

Durante a solenidade, eles também apresentaram um resumo de propostas para colaborar com o desenvolvimento do Município e o prefeito Marcelo Belinati concedeu o título de 1º Embaixador de Londrina para o londrinense e pesquisador Pedro Arcain Riccetto, que leciona em Oxford e intermediou a iniciativa. O projeto foi realizado pela Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Governo e Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), em parceria com a Universidade de Oxford.

 

O objetivo foi buscar soluções inovadoras que poderão ser implantadas em Londrina, para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos que moram na cidade, contribuindo na elaboração do Masterplan Londrina 2040, planejamento estratégico para os próximos 20 anos. Participaram do projeto os estudantes Ying Liu e Cody Chenxi Wang, da China.

 

Ying Liu é especialista em Literatura e Língua Portuguesa pela Universidade de Pequim e mestranda em Políticas Públicas da Escola de Governo da Universidade de Oxford. Pela Citic Construction, atuou em Pequim e Luanda (Angola), com expertise em projetos de infraestrutura urbana e recursos humanos.

 

Cody Wang formou-se em Ciências Políticas e Filosofia pela London School of Economics and Political Science (LSE). Na graduação, obteve o topo nas turmas de Transparência e Prestação de Contas no Governo; Problemas na Filosofia Analítica; e Filosofia da Ciência. Também cursa mestrado em Políticas Públicas, na Escola de Governo da Universidade de Oxford. É fundador da YBNR International, plataforma de desenvolvimento para a iniciativa econômica Belt and Road.

 

Estudantes Oxford apresentam resultados a Londrina Emerson Dias NCom 4O prefeito Marcelo Belinati agradeceu a presença e a participação de todos os envolvidos na iniciativa e disse que esta parceria representa um grande orgulho para o município. “Londrina é a primeira cidade do Brasil a concretizar parceria com a Universidade de Oxford, uma das mais renomadas do mundo. Participam, do projeto Summer Fellowship, instituições renomadas como Casa Branca, Organização das Nações Unidas (ONU), Google, Microsoft. Nosso objetivo, com isso, é buscar soluções inovadoras e inteligentes, para que possamos melhorar a qualidade de vida da população de Londrina”, enfatizou.

 

Estudantes Oxford apresentam resultados a Londrina Emerson Dias NCom 2

O secretário municipal de Governo, Alex Canziani, destacou que a Escola de Governo da Universidade de Oxford é a melhor escola de governo do mundo. “Termos alunos de mestrado, desta universidade, que são verdadeiros talentos, desenvolvendo um trabalho focado na cidade de Londrina é uma contribuição fantástica para a cidade. Foi um privilégio participar desta parceria, que sem dúvidas vai trazer muita contribuição ao município”, apontou.

 

Por meio do projeto Summer Fellowship, ao longo de oito semanas os estudantes puderam propor ideias de programas, digitalização e informatização de informações visando o desenvolvimento de uma cidade inteligente e sustentável. Os encontros aconteceram uma vez por semana, por meio de videoconferência.

 

Propostas – As propostas apresentadas pelos estudantes são relacionadas às áreas de habitação, sobre os vazios urbanos existentes na cidade, e de transformação digital da Prefeitura. Ying Liu se propôs estudar a qualificação de habitações precárias e a reabitação dos vazios urbanos em Londrina. Liu estudou todas as informações e apresentou relatório com os principais desafios de Londrina na área de habitação e estruturas públicas e apontou orientações para superá-los.

 

As reuniões contaram com a colaboração da equipe do Siglon, que mostrou o sistema geográfico, Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL), que apresentou o Plano Diretor, e com apoio importante da Companhia de Habitação de Londrina (Cohab), que apresentou toda a dinâmica de trabalho na área e os projetos já realizados.

 

A ideia de Cody Wang é sobre tecnologia e desburocratização de processos, com melhorias na prestação de serviços ao cidadão de forma digital. Wang fez pesquisa em infraestruturas de Tecnologia da Informação (TI) e sistemas de atendimento ao cidadão em outras cidades do mundo e apresentou relatório com os principais desafios e sugestões de como superá-los, a fim de implementar a digitalização dos serviços ao cidadão de maneira acessível e eficiente.

 

Ao longo das semanas foram feitas reuniões de trabalho com a participação de técnicos da Prefeitura, representantes da área de tecnologia da Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) da Secretaria de Planejamento, da Companhia de Tecnologia e Desenvolvimento (CTD) e da Diretoria de Ciência e Tecnologia do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel). O trabalho também contou com informações da Diretoria de Gestão de Informações e Arquivo Público (DGIAP), da Secretaria de Gestão Pública, e Secretaria de Fazenda.

 

Em breve, a Prefeitura vai promover reunião técnica específica de Cody Wang com a equipe de TI da Prefeitura, Codel e CTD; e outra da Ying Liu com equipe técnica da Cohab, Ippul e Assistência Social. Com isso, os representantes das secretarias e órgãos municipais receberão os relatórios dos pesquisadores de Oxford e poderão dar andamento em ações com base nas orientações e apontamentos dos alunos.

 

A administradora da Secretaria de Governo, que atuou como supervisora do programa, Liz Rodrigues, disse que foi uma experiência incrível atuar nessa parceria. “Fiquei muito feliz, pois os resultados representam um ótimo ganho para a Prefeitura. Trazer a expertise desses alunos, com experiências e pesquisas internacionais, qualifica ainda mais as ações a serem desenvolvidas no Município”, salientou.

 

03 09 Estudantes Oxford apresentam resultados a Londrina Emerson Dias NCom 8

1º Embaixador de Londrina – O professor da Universidade de Oxford, Pedro Arcain Riccetto, londrinense que intermediou a iniciativa, participou da solenidade por meio da videoconferência. Como ele não pôde estar presente no município, o título de 1º Embaixador de Londrina, concedido a ele pelo prefeito Marcelo Belinati, foi entregue para a sua família: seu pai, Amilcar Miguel Riccetto, sua mãe, Clarice Arcain Riccetto, e a irmã Aline Arcain Riccetto.

 

Por meio de videoconferência, Pedro Arcain Riccetto agradeceu ao prefeito Marcelo Belinati, toda a equipe da Prefeitura e os estudantes que participaram do projeto. “Estou muito feliz de ver o trabalho que foi realizado para Londrina, cidade que eu nasci, cresci e estudei. É sempre um prazer poder retornar para Londrina, ainda que virtualmente, e de alguma forma contribuir com a cidade. Esse programa é um sucesso e pretendemos continuar com ele nos próximos anos”, afirmou.

 

O pai de Riccetto agradeceu a homenagem feita ao seu filho e, muito emocionado, disse sentir muito orgulho pelo retorno que ele tem dado a Londrina. “É uma honra muito grande, uma grande satisfação ver a gratidão que o meu filho tem por Londrina”, disse Amilcar Miguel Riccetto.

 

Pedro Arcain Riccetto é pesquisador da Faculdade de Direito e da Blavatnik School of Government da Universidade de Oxford, da Harvard Kennedy School of Government e do MacMillan Center da Universidade de Yale. Também é titular da Cátedra Victor Nunes Leal da presidência do Supremo Tribunal Federal, possui pós-doutorado em Ciência Política pela Universidade de Yale, em Governo e Políticas Públicas pela Universidade de Harvard e em direito e em relações internacionais pela universidade de Oxford. É doutor em Direito Constitucional pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, com período sanduíche na Universidade de Oxford, Universidade de Yale, Sciences Po Paris e Harvard Kennedy School. Riccetto é advogado formado pela Universidade Estadual de Londrina, Estudou no Colégio Estadual Marcelino Champagnat e no Colégio Estadual Evaristo da Veiga.

 

Também participaram da solenidade, o vice-prefeito, João Mendonça; o diretor de Ciência e Tecnologia da Codel, Roberto Moreira de Oliveira; os vereadores Jairo Tamura, presidente da Câmara, e Ailton Nantes.

 

 

Texto Dayane Albuquerque

registrado em:
Fim do conteúdo da página