Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Notícias > Já está no ar a plataforma Conhecer Londrina Digital
Início do conteúdo da página

Já está no ar a plataforma Conhecer Londrina Digital

  • Publicado: Quinta, 10 de Dezembro de 2020, 13h00
  • Acessos: 421
imagem sem descrição.

A página da Educação destaca roteiros e locais importantes de Londrina. E já pode ser acessada pela comunidade

  

A Secretaria Municipal de Educação (SME) lança, nesta quarta-feira (9), o site “Conhecer Londrina Digital”, em homenagem ao aniversário de 86 anos da cidade. O conteúdo abrange estudos históricos e geográficos de Londrina e pode ser acessado por professores, alunos e comunidade.

 

O projeto já foi apresentado aos profissionais da rede municipal de ensino na terça-feira (8), quando foi realizada uma reunião, via Google Meet. De acordo com uma das responsáveis pelo projeto e integrante do Apoio Pedagógico de História e Geografia da SME, Eliane Aparecida Candoti, o site “Conhecer Londrina Digital” oferece um conteúdo voltado ao estudo da cidade de Londrina.

 

“A princípio, a página traz um dos roteiros do projeto Conhecer Londrina, que existe desde os anos de 1980, e leva os alunos a conhecerem pontos históricos e culturais da cidade. Em função da Covid-19, nós lançamos uma proposta do projeto na versão virtual, no qual produzimos materiais para disponibilizar em uma plataforma digital, a fim de atender professores e alunos no ensino remoto”, explicou a professora.

 

Conhecer Londrina div 1

Interação – Candoti destacou ainda que a página é interativa, contendo fotos em 360 graus, imagens de drone, vídeos, jogos interativos e outros materiais. “Será um espaço com várias possibilidades para aprendizagem sobre a cidade de Londrina, com um conteúdo versátil e de diversas possibilidades. Contamos com alguns parceiros, como o jornal Folha de Londrina, que autorizou o uso de trechos de matérias, fotografias, vídeos, desde que referenciados, assim como o Museu Histórico de Londrina, que irá fornecer fotos de época e outras atividades de interação, dentre outros parceiros”, destacou a professora.

 

Os alunos, professores e comunidade poderão conferir, a princípio, o primeiro dos oito roteiros que o projeto Conhecer Londrina contempla. “Nós começamos com o primeiro roteiro, a partir de um recorte espacial. Na plataforma, esse roteiro estará dividido em paradas. O ponto de partida será a partir do bairro, a fim de dar ênfase no lugar de origem da criança. Depois o trajeto será pelas outras paradas, como, por exemplo, o Monumento Passageiro, a Rodoviária, o quarteirão das artes, o Marco Zero, a Catedral Metropolitana de Londrina e outros lugares. A última parada será no Museu Histórico de Londrina, sendo possível conhecer as exposições permanentes. No geral, a proposta é interagir por diferentes espaços da cidade”, citou Candoti.

 

educação projeto conhecer divulgação

União de conteúdos – A professora frisou ainda que, apesar do projeto contribuir com os professores nas aulas de história e geografia, a proposta contempla as demais disciplinas. “O foco é a história e geografia de Londrina, mas, quando andamos pela cidade, visualizamos a arquitetura, o paisagismo, a questão da arborização e do lixo. Dessa forma, transitamos por conteúdos de todas as disciplinas, como ciências, matemática, língua portuguesa e artes. A cidade acaba se tornando um currículo aberto, que possibilita a inserção dos conteúdos de todos os componentes curriculares”, frisou.

 

Aniversário de Londrina – Ainda de acordo com Candoti, o lançamento da página é mais uma homenagem aos 86 anos de Londrina, celebrado nesta quinta-feira, dia 10 de dezembro. “Terá um espaço no site, que ainda será preenchido, relacionado à comemoração dos 86 anos da cidade de Londrina. Serão realizados muitos trabalhos sobre esse tema e a proposta será expor os trabalhos dos alunos, conforme autorização e manifestação de interesse das escolas municipais. Nós queremos deixar um espaço destinado a esse momento em que se comemora os 86 anos da cidade”, disse.

 

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com uma das responsáveis pelo projeto e que integra a equipe de Apoio Pedagógico de História de Geografia da SME, Eliane Aparecida Candoti, pelo número 3375-0100.

 

Texto: Luana Souza sob supervisão dos jornalistas do N.Com

registrado em:
Fim do conteúdo da página