Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Notícias > Educação firma parceria para oferecer atividades em plataforma digital
Início do conteúdo da página

Educação firma parceria para oferecer atividades em plataforma digital

  • Publicado: Quinta, 13 de Agosto de 2020, 11h15
  • Acessos: 92
imagem sem descrição.

Termo de cooperação, firmado com a TCS, nesta quarta-feira (12), viabiliza o uso de ferramenta on-line na rede municipal, sem custos

 

A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), assinou, nesta quarta-feira (12), termo de cooperação técnica com a empresa multinacional de tecnologia Tata Consultancy Services do Brasil Ltda (TCS). O acordo vai permitir que a rede municipal de ensino utilize, de forma oficial e inédita, a Plataforma TCS iON, desenvolvida pela TCS e voltada ao ensino digital, sem nenhum ônus para o Município.

 

Cooperacao TATA e Sec Educacao ED 2Como as aulas presenciais estão suspensas desde o final de março, por conta da pandemia, os professores têm utilizado aplicativos e sites para repassar o conteúdo pedagógico aos alunos, e manter o vínculo entre escolas e estudantes. Dentre os ganhos que a TCS iON oferta, estão o fato de ser armazenada em nuvem, ou seja, pode ser acessada por qualquer computador, tablet ou smartphone com acesso à internet. Além disso, é um sistema colaborativo, que pode ser adequado para melhor atender as necessidades do usuário. 

  

Cooperacao TATA e Sec Educacao Emerson Dias 5

Um projeto-piloto já está em execução na Escola Municipal Carlos Dietz, e com elogios vindos dos pais, professores e estudantes. A aluna Heloisa Pereira Correria, de 10 anos, matriculada na unidade opinou sobre o trabalho. “Eu acho legal que, pela plataforma, dá para conversar com as pessoas da sala e com as professoras. Tem uma área separada para a gente colocar as dúvidas, postar as fotos, é bem organizado e eu acho que ficou bem legal”, comentou.

 

A expectativa é que, futuramente, o sistema seja levado às demais escolas municipais, antecipou a secretária da pasta, Maria Tereza Paschoal de Moraes. “Vivenciamos quase 150 dias de pandemia, e nesse meio tempo conhecemos a plataforma, elaboramos um termo de cooperação e assinamos. Agora, em tempo recorde, estamos implantando.

 

Cooperacao TATA e Sec Educacao ED 4

O primeiro projeto no Brasil. Vamos entender como vai funcionar, e a avaliação é semanal para planejar a ampliação a outras escolas, afinal temos necessidade de lançar uma plataforma para todas as escolas e deixar de utilizar aplicativos como o WhatsApp”, citou.

 

Sobre os resultados que o sistema da TCS iON representou entre os alunos e professores durante o projeto-piloto, a secretária reforçou a organização do conteúdo, que possibilita um acesso mais fácil às informações, sem sobrecarregar os professores. “Temos uma fala da aluna de dez anos, que achou bem mais fácil para achar as atividades, e da professora, que citou que acalmou seu coração porque o WhatsApp parou de apitar, e até estranhou a calmaria. Esses efeitos na saúde mental das pessoas são, para nós, algo fundamental. Estamos facilitando a vida em um momento muito complicado. Estamos muito felizes, e ouvir esses depoimentos me deixa mais animada ainda”, frisou.

 

Cooperacao TATA e Sec Educacao Emerson Dias 2aO executivo da Tata Consultancy Services (TCS), Parameswaran Ramani, destacou que Londrina é a primeira cidade do país a utilizar o sistema, que também está sendo apresentado para a rede estadual. “Esse programa tem o principal objetivo de transformar o sistema de educação, e é algo que foi pensado há dez anos atrás. Para a TCS, o fundamental é a responsabilidade social. Nossos funcionários são nosso principal ativo, e estamos criando um mercado para o futuro, pois a TCS entende como sua responsabilidade para com o ecossistema”, indicou.

 

Cooperacao TATA e Sec Educacao ED 5

Na ocasião, o ex-deputado federal Alex Canziani, que intermediou a parceria entre a Prefeitura de Londrina e a TCS, citou que a ideia foi apresentada para universidades e faculdades, mas foi a Secretaria Municipal de Educação quem abraçou a ideia. “Quando fui contatado pela TCS, que queria disponibilizar essa ferramenta, tentamos levar para as universidades, mas para minha surpresa e alegria quem efetivamente implementou foi a rede municipal”, contou.

 

Canziani disse ainda que a equipe como um todo foi muito empenhada para poder viabilizar o projeto. “É uma plataforma que está no mundo todo, um instrumento importante para o Município para levar as atividades aos alunos, fazer interação, facilitar a vida de professores e pais e, principalmente, fazer com que haja o aprendizado, por parte dos alunos. Não tenho dúvida de que isso vá se expandir a outras escolas também”, complementou.

 

A assinatura contou ainda com a presença do presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (CODEL), Bruno Ubiratan, o diretor de Ciência e Tecnologia da Codel, Fabian Trelha, o gerente da Regional Norte do SEBRAE-PR, Fabrício Bianchi, a diretora da Escola Municipal Carlos Dietz, Vânia Talarico, e a professora de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) da unidade, Jéssica Graziele Vilme, pais da aluna Heloisa e integrantes da diretoria e equipe técnica da SME, dentre outros.

 

 

Texto Juliana Gonçalves

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página