Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas notícias > Conferência municipal discute o Ecossistema de Inovação de Londrina
Início do conteúdo da página

Conferência municipal discute o Ecossistema de Inovação de Londrina

  • Publicado: Segunda, 24 de Setembro de 2018, 13h22
  • Acessos: 197

A V Conferência Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação ocorreu nesta sexta-feira (21), no auditório do SENAI

conf.tecnologia.DPFoi realizada, na manhã desta sexta-feira (21), a V Conferência Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação. O encontro, que reuniu cerca de 50 pessoas, ocorreu no auditório do Serviço Nacional da Indústria (SENAI), e tratou do tema “Ecossistema de Inovação de Londrina”. Promovida pelo Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, a conferência iniciou com palestra concedida pelo consultor do Sebrae, Everson Feliciano.

De acordo com o diretor de Ciência e Tecnologia da Codel e presidente da comissão organizadora da conferência, Eduardo Ribeiro Netto, logo após a palestra, os participantes foram divididos em cinco grupos de discussão, para debater sobre as verticais de inovação na cidade: Agro, Tecnologia da Informação (TI), Químico-Materiais, Metal-Mecânico, e Saúde. “Dentro dos grupos, foram levantadas as demandas e objetivos de cada área, com seleção de duas propostas para compor a Política Municipal de Ciência e Tecnologia”, destacou.

As duas propostas foram levadas, pelos diferentes grupos, para plenárias, e em votação foi selecionada uma diretriz, para o período 2018-2020. “Foi uma conferência muito produtiva, que atingiu as nossas expectativas, promovendo debates e levantando propostas condizentes com a realidade, com objetivos alcançáveis e factíveis”, afirmou Netto.

Novos Conselheiros – Durante a conferência, houve também a eleição de novos representantes da sociedade civil organizada, para compor o Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, no mandato de 2018 a 2020. Foram eleitos dois representantes do setor produtivo; quatro representantes da comunidade científica de Londrina; e dois representantes das entidades que promovem atividades de apoio às empresas.

Para compor o novo mandato do conselho, serão indicados mais dois representantes indicados pelo Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação (APL-TI); um representante da Codel e outro da Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil); e dois representantes do poder público, que serão indicados pelo prefeito Marcelo Belinati. “Assim que forem concluídas as indicações, será agendada a nomeação e posse dos conselheiros, mediante decreto municipal”, explicou o diretor da Codel.

Para Netto, a conferência contribuiu para o fortalecimento do setor de tecnologia e inovação da cidade. “O caminho que o conselho seguirá pelos próximos dois anos terá como base as cinco demandas apontadas pelos participantes, então teremos reuniões ainda mais produtivas, com decisões mais assertivas para esse setor, que em nossa cidade está crescendo cada vez mais”, considerou.

Foto: Divulgação

registrado em:
Fim do conteúdo da página