Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página

Religiosos

Publicado: Sexta, 10 de Abril de 2015, 12h22 | Acessos: 1089

Capela da Mãe Três Vezes Admirável de Schoenstatt

Localizada no jardim do Colégio Mãe de Deus, o Santuário da Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt de Londrina foi o segundo construído no Brasil e teve sua pedra fundamental lançada em 25 de abril de 1948 e inauguração em 18 de maio de 1950.

Capela da Mãe Três Vezes Admirável de Schoenstatt
Foto: Wilson Vieira

Capela do Divino Espírito Santo

A Capela do Divino Espírito Santo, foi construída em alvenaria na década de 1950 em substituição à capela de madeira existente. A edificação é composta por corpo principal com telhado cerâmico de duas águas e elementos decorativos na fachada (frontão de linhas curvas e marquise com cobertura cerâmica) e campanário em torre independente.

Capela Nossa Senhora do Caminho / Caminho Madre Leônia Mílito

Às margens da Br 369, saída para Cambé, esta Capela sinaliza o local onde a Serva de Deus Madre LeôniaMílito perdeu a vida em um acidente automobilístico, aos 22 de julho de 1980.  Muitos visitantes e peregrinos da região de Londrina e de lugares mais distantes, frequentam este local.
Rota turística de cunho religioso, relacionada a vida da missionária Madre Leônia, que se doou pela causa religiosa e social, fundando em Londrina a Congregação das Missionárias de Santo Antonio M. Claret, hoje presente nos 5 continentes.
Rota que parte da Capela Nossa Senhora do Caminho, Cambé, local de sua morte, até o Santuário Eucarístico Mariano, em Londrina, onde estão seus restos mortais, num percurso de 17 Km.

Capela São Miguel Arcanjo

A capela São Miguel Arcanjo, foi construída por GiácomoViolin, João Lerhbaun e João Salomão entre os anos de 1930 e 1936, inicialmente a construção era pequena e de madeira, sendo substituída pela de alvenaria na década de 1940.
A construção em alvenaria possui uma área de entorno de 300 m², é composta por uma torre central e   cobertura em telha cerâmica de três águas. Possui ornamentação simples como molduras nos arremates e na torre; pináculos na fachada e na torre, além do ícone de São Miguel Arcanjo, existente no arco da fachada, e um belo forro de madeira-, produto dos artesãos carpinteiros do período.

Casa de Memória Madre Leônia Mílito

Instalada na casa onde Madre LeôniaMílito (1913/1980) residiu desde sua chegada a Londrina em 1958, a Casa de Memória inaugurada em 2006, conserva, de maneira familiar, o acervo histórico, espiritual e carismático da Congregação das Missionárias de Santo Antônio Maria Claret e da cultura religiosa do norte do Paraná. Em 2008 foi encaminhado ao Vaticano o processo de beatificação de Madre Leônia e em 2009 ela foi proclamada oficialmente a padroeira da vida no trânsito em Londrina.

Catedral Metropolitana de Londrina

Foto da Catedral Metropolitana de Londrina
Foto: Wilson Vieira
O edifício da Igreja Matriz de Londrina, construído em madeira, passou por diversas alterações desde que foi inaugurado em 19 de agosto de 1934. Na década de 1940 foi construída uma nova edificação em alvenaria, em estilo neogótico, com arcos e torres. Na década de 1950 deu-se início a outra construção em estilo neorrenascentista e após a transformação da igreja em Catedral Metropolitana em 1957, o edifício foi ampliado adotando-se estruturas em aço e alumínio, que permanecem até os dias de hoje. O Pe. Carlos Dietz foi o primeiro pároco e Dom Geraldo Fernandes foi o primeiro Bispo de Londrina.

Igreja Anglicana (Igreja Episcopal Brasileira de Londrina) – Paróquia S. Lucas

Primeira Igreja Anglicana de Londrina, a Paróquia São Lucas, teve seus lotes doados pela Companhia de Terras Norte do Paraná em julho de 1945, com início das obras em 2 de maio de 1948 e inauguração em 27 de setembro de 1953. Igreja com fachadas simples, compostas por átrio de entrada, pequenas torres e frontões ornamentados por relevos em forma de flor.

Igreja Metodista Central de Londrina

A primeira edificação no local foi um templo de madeira em 1934. A atual construção, projetada e executada pelo Engenheiro Civil Omar Rupp, teve sua pedra fundamental lançada em 1941 e obra iniciada em 1946, após diversas campanhas de arrecadação de recursos, que perduraram até a conclusão das obras em 1955. Suas características neogóticas peculiares, preservadas em suas últimas reformas, são marcantes na paisagem local.

1ª Igreja Presbiteriana Independente de Londrina

Nos primeiros anos da congregação em Londrina as reuniões aconteciam em um rancho de palmitos iluminado por lampiões. Em dezembro de 1932 foi aberta a Escola Dominical e em agosto de 1935 foi fundada a Sociedade Auxiliadora de Senhoras. Em 1937 foi construído um templo de madeira, substituído pela atual edificação em 1952. Passou por reformas em 1987 e 2009, sem perder suas características originais que a tornam um importante marco da paisagem local.

Memorial Arcebispo Dom Geraldo Fernandes

O memorial de Dom Geraldo Fernandes (1913/1982), construído anexo à Casa de Memória, foi inaugurado em 2013, homenageia e guarda a memória do 1º Arcebispo de Londrina, fundador da Congregação das Missionárias de Santo Antônio Maria Claret, juntamente com Madre Leônia.

Mesquita Mulçumana Rei Faiçal

Inaugurada em 1975, foi uma das primeiras Mesquitas construídas na América Latina.
Sua arquitetura tipicamente árabe chama a atenção de quem passa e do minarete os fiéis são chamados às orações.

Santa Casa de Londrina

Inaugurada em 07 de setembro de 1944, a Santa Casa de Londrina, foi construída por iniciativa dos pioneiros da cidade através da fundação da Irmandade da Santa Casa de londrina – ISCAL, e uma grande mobilização entre a população.
Em 1954 foi construído um novo bloco na Rua Senador Souza Naves, projetado por Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi; em 1975, outro bloco foi inaugurado na Rua Espírito Santo seguido por outras reformas e ampliações em períodos posteriores sempre atendendo à crescente demanda por serviços médicos
A construção original é em estilo germânico, simétrica com corpo saliente e telhados inclinados dotados de mansardas. Está preservada também a torre de luz, muito útil nos primeiros anos como forma de sinalização e que hoje compõe a logomarca da entidade.

Santuário de Nossa Sra. Aparecida do Norte do Paraná

A igreja da Vila Nova foi elevada a santuário em 12 de outubro de 1997 pelo papa João Paulo II, de forma a atender os católicos e devotos que não podem ir ao santuário de Aparecida, em São Paulo. A igreja foi a segunda construída em Londrina, no ano de 1952.

Santuário Eucarístico Mariano - Instituto Coração de Maria

No Instituto Coração de Maria, Sede Geral da Congregação das Missionárias Claretianas encontra-se o Santuário Eucarístico e Mariano, aberto diariamente à oração e visitação pública. Este Santuário guarda os restos mortais da Serva de Deus, Madre LeôniaMílito, em processo de beatificação no Vaticano.

Templo Budista Hompoji

O Templo Hompoji foi fundado em 1940 e representa em Londrina o Budismo Primordial. O lugar está sempre aberto ao público e seus membros estão dispostos a ajudar qualquer pessoa que queira praticar o Budismo. A Mantra Sagrada é o NAMUMYOUHOURENGUEKYOU, que é a causa da essência e semente da iluminação de Buda. Os adeptos ao budismo rogam pela harmonia do universo através da prática de virtudes, do aperfeiçoamento espiritual e da solidariedade dos seres. A religião budista está no Brasil desde 1908.

Exemplar da arquitetura típica japonesa, todo construído em madeira.
Entre suas festas tradicionais, destacam-se as realizadas no dia 08/04 (aniversário de Buda) e a primeira quinzena de agosto.

Fim do conteúdo da página