Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Codel inicia série de visitas a empresas de Londrina

Atividades buscam ampliar diálogo com empresários de diferentes setores e soluções para fortalecer a economia local

  • Publicado: Terça, 29 de Maio de 2018, 11h09
  • Acessos: 53

 

O Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel) iniciou uma série de visitas a empresas locais, visando ampliar o canal de comunicação com empresários de diferentes setores para a busca de soluções que favoreçam o crescimento do município. Para começar este trabalho, o presidente da Codel, Bruno Ubiratan, visitou nesta segunda-feira (28) a Atos, empresa internacional que é especialista e referência mundial em serviços de Tecnologia da Informação. Ele também esteve na VZAN, que é fornecedora das maiores montadoras nacionais de bicicletas.
De acordo com Ubiratan, a Codel quer ouvir os empresários das grandes, médias e pequenas empresas de Londrina, verificando suas principais demandas e criando, de forma conjunta, iniciativas para fortalecer a economia local, gerando emprego e renda. “A aproximação e a melhoria no diálogo com as empresas da cidade é muito importante, pois não podemos pensar em desenvolvimento apenas tentando atrair as empresas de fora, temos que buscar entender o mercado das empresas da nossa região. Dessa forma, é possível verificar como o Município pode atuar para colaborar com seu crescimento e aumentar sua participação”, afirmou.
Para o presidente da Codel, o desenvolvimento de Londrina passa pelo crescimento das empresas em nível local. “As visitas servirão para orientar um plano de trabalho e começaram com duas grandes empresas em seus segmentos. Tivemos uma conversa produtiva com os diretores dessas empresas, que contam, cada uma delas, com mais de 500 funcionários, ou seja, geram mais de mil empregos e têm potencial para crescer ainda mais, beneficiando nossa cidade”, destacou.
Para o assessor da Codel, Fabian Trelha, que também participou das visitas, uma das ideias é mapear os principais fornecedores destas grandes empresas e criar condições favoráveis para que elas se instalem no município.

Foto: Divulgação

registrado em:
Fim do conteúdo da página